"Language"

Clasificado en Outras materias

Escrito el en português con un tamaño de 4,18 KB

 

3. ESTILOS DIFERENTES DE INTERPRETAÇÃO DA CRIANÇA MÃE COMUNICATIVO ADMINISTRAÇÃO COM SÍNDROME DE DOWN estilos Materna:. Atenção, sensibilidade, persistência, orientação para a criança, a qualidade da demanda, qualidade da informação. O desenvolvimento da comunicação verbal em crianças é melhor quando o estilo de gestão da interação comunicativa de mães foi caracterizada por uma maior sensibilidade, que é quando ele se concentra em manter a comunicação com a criança responde à questão levantada e não interessados ​​em ambos a criança realizar ações. 4. Padrões de interação com pais e crianças em defasagem escolar. E estilos S tendem a ver a preocupação dos gestores e ensinar seu filho o que faz a interação é um pouco relaxado e agradável. Em suma, o estilo que melhor benefícios criados para o desenvolvimento é aquele que combina algumas diretividade com sensibilidade para as necessidades da criança. 5. COTIDIANO Em famílias com crianças com atraso no desenvolvimento. Pais de crianças com deficiência estão preocupados com o que consideram oferecer cuidados adequados, supervisão e estímulo para seus filhos, a construção de um nicho especial para o seu desenvolvimento. 6. Atividades diárias são diferentes no caso de pai e mãe e ser feito com diferentes estilos Mãe ·:. Tem mais carga e mais responsabilidade para a criança, não espere muita ajuda dos avós, mas eles valorizam a sua participação no jogo Instructional tendem a ser mais dominante e exigente. • parent: pouco envolvidos em atividades de jogo por dia e mais actividades ao ar livre, TV ou jogar física. Participação tende a ser mais ativo quando a criança é mais velha e começa a falar. 7. Fatores ambientais envolvidos no processo de acomodação para famílias com crianças Para atrasar • A mãe deixa de trabalhar para cuidar da criança, o pai ainda está no mesmo serviço para o acesso a melhores serviços. • A família muitas vezes vivem em áreas com acesso fácil a serviços de apoio. · A mudança para casa maior, mudar o mobiliário para ser mais seguro. · Madrid dá mais atenção às crianças e menos frequentemente em casa e contratar pessoal para a limpeza. • Na parte criança cuidar dos irmãos mais velhos. • Só deixe os seus filhos brincar com outras crianças em casa. · As relações são fortalecidas. • O pai está mais envolvido em tarefas domésticas e cuidados infantis mais. 8. INTERVENÇÃO PARA SITUAÇÃO FAMILIAR DO STRESS E PADRS MÃES • Aumentar a competência da criança, alterando as percepções sobre o nível de competência dos pais e as necessidades da criança e crrencias valores de revisão, considerar os fatores de proteção, tais como: - para promover melhores relações entre os membros da família. - Criar estilos apropriados de lidar com o stress. - Para expandir as redes de apoio para os pais 9.. CONSIDERAÇÕES QUANDO OS PAIS IR PARA AS MÃES E a tarefa de educar o seu filho para ajudar a atender o cuidado e educação da criança. Participação dos pais na estimulação sensorial, motor e comunicação temporal. Ensinar a adoptar uma atitude mais relaxada e recíproca. Compreender a organização e estruturação da vida diária. Educar a família para olhar como um natural para pedir ajuda e usar os recursos disponíveis na comunidade.