Truco maquillaje Pelé com cicatrizes

Classificado em Medicina e Ciências da Saúde

Escrito em em português com um tamanho de 5,28 KB.

 

SEQÜELAS E INTERCORRÊNCIAS

As seqüelas São inerentes do procedimento e são quase inevitáveis. Elas são normais e Esperadas.

As Complicações não são normais nem esperadas ( ex: infecção subseqüente à Cirurgia eletiva);

O fato de Surgirem seqüelas ou complicações não implica que o procedimento tenha sido Feito de maneira errôNeá, mas é papel de cirurgião torná-lá as mais discretas Possíveis.

Seqüelas são: irregularidades cutâneas, Equimoses, hipoestesia e edema;

As Complicações incluem: perda sanguíNeá, hematomas, seroma e infecção;

As seqüelas Serão tratadas no pós-operatório e as complicações controladas e tratadas pelo Cirurgião.

Cicatrizes hipertróficas e Queloideanas: ocorre Quando há  um processo de reparo Exacerbado. As cicatrizes hipertróficas se desenvolve normalmente a partir de Um trauma profundo, e clinicamente se caracteriza por uma lesão acima do nível Inicial da Pelé, mas limitada ao nível da lesão inicial, vermelha com prurido e Retraída. No quelóidé, a cicatriz não está limitada às bordas da lesão, não há Miofibroblastos e nem regressão com o tempo.

Queloides: Dolorosas ou não / Cicatrizes Hipertróficas: Dolorosas

Exuberantes / Cicatrizes hipertróficas : Elevadas além da Pelé

Não Limitadas às bordas da lesão / Cicatrizes hipertróficas: Limitadas às bordas da lesão

Com ou sem prurido / Cicatrizes hipertróficas:Vermelhidão e prurido


FERIDAS

Deformidade Ou lesão que pode ser superficial ou profunda, fechada ou aberta, simples ou Complexa, aguda ou crônica.

Classificação Das feridas:

De acordo Com sua etiologia: traumática, cirúrgica e ulcerativas;

De acordo Com a sua extensão: leve ou extensa;

De acordo Com a profundidade: superficiais ou profundas.

Avaliação / Semanalmente/ Localização da lesão / Tempo de evolução / Tamanho / Diâmetro / Profundidade / Vitalidade do leito e dos tecidos circunvizinhos / Presença de Secreção e necrose / Coloração do leito da ferida / Sensibilidade cutâNeá.

CLASSIFICAÇÃO DAS FERIDAS SEGUNDO O SISTEMA RYB

Cuzzel, em 1988 – desenvolveu um sistema de avaliação das feridas que cicatrizam por Segunda intenção;

RED: vermelhas, apresentam tecido de Granulação com coloração do rosa pálido ao vermelho vivo, estão na fase Inflamatória ou proliferativa.

YELLOW: amarelas, verdes ou marrom Amarelada. Objetivo é identificar a presença ou não de infecção.

BLACK: pretas, apresentam necrose tecidual. O objetivo é remover o tecido necrosado com a máxima brevidade, por meio do Debridamento.

FISIOTERAPIA DERMATOFUNCIONAL

Objetivos: Acelerar o processo de cicatrização; / Minimizar sequelas / Preparar o tecido Pára uma nova intervenção reparadora.

RECURSOS ELETROTERMOFOTOTERÁPICOS

Alta Frequência / Aparelho que produz ozônio e que tem efeitos bactericidas.

Estimulação Elétrica Microamperada:

Polo negativo: retarda o crescimento das bactérias;

Polo positivo: exacerbação da repitelização;

Aplicação de Microcorrente no local ferido aumenta o fluxo endógeno e permite às células Recuperar sua capacitância, reduzindo ao fluxo endógeno e facilitando o Restabelecimento da homeostase local.

Laser / Laser de baixa potência: potência inferior a 50mW, com espectro de luz vermelho Visível ou espectro infravermelho (não visível);

Fibrose: Trata-se de um processo natural do Organismo em reação a uma incisão ou trauma. É a formação ou o desenvolvimento Em excesso de tecido conjuntivo em um órgão ou tecido, como processo reparativo Ou reativo.

Deiscência: É um complicação pós-operatória em Que ocorre a reabertura da ferida previamente fechada. Essa complicação pode Comprometer o resultado estétiço da futura cicatriz, além do risco de infecção.

Pós-operatório:Nessa fase, a Manipulação frequente do paciente é fundamental pára o diagnóstico, pois o Toque nos permite identificar a adequação ou a persistência de algumas Alterações cutâneas.

O tratamento Pós-cirúrgico possibilita uma melhora significativa na textura da Pelé, Ausência de noduláções fibróticas no tecido subcutâneo, redução do edema, Minimização de possíveis aderências teciduais e recuperação mais rápidas de áreas com hipoestesias.

Entradas relacionadas: